Gazeta da Sanches
Pesquisa

Por que é que os caranguejos andam de lado?
Por Juliana Oliveira (Aluna, 7º1), em 2012/05/184360 leram | 0 comentários | 222 gostam
Há muitos anos , havia um reino de caranguejos chamado “O Reino Negro”. Nesse reino morava o caranguejo feiticeiro mais cruel de todos os tempos.
Há muitos anos , havia um reino de caranguejos chamado “O Reino Negro”. Nesse reino morava o caranguejo feiticeiro mais cruel de todos os tempos. Ele achava que mandava em tudo e em todos e, por essa razão, todos os caranguejos obedeciam às suas ordens, porque se não o fizessem, ele fazia um feitiço maléfico.
Um dia nasceu um caranguejo e, à medida que ele ia crescendo, os caranguejos mais novos, faziam troça dele, pois ele tinha medo de tudo. e havia um caranguejo muito corajoso, que era quem mais fazia troça do caranguejo mais fraco.
   Numa manhã de verão, o caranguejo feiticeiro, lançou um desafio:
  - Tenho um desafio muito difícil, para dois de vocês, quem gostaria de participar?
   O caranguejo mais fraco, como gostaria de provar que não tinha medo de nada, disse sem hesitar:
    - Eu quero.
   De seguida ouviu-se o caranguejo mais corajoso:
   - Eu também quero!
   E o feiticeiro disse-lhes:
   - Eu vou dar uma ordem a cada um de vocês e basta um de vocês não conseguir cumpri-la que eu lanço um feitiço a todos vocês. Amanhã, o caranguejo mais fraco vem ter comigo e o caranguejo mais corajoso vem depois de amanhã.
   E assim foi, no dia seguinte lá estava o caranguejo mais fraco.
   - Vais ter de subir aquela rocha, até logo à tarde, andando de lado. - disse o feiticeiro apontando para a rocha.
   O caranguejo, com muito suor e esforço, lá conseguiu subir a montanha.
   No dia seguinte, era a vez do caranguejo mais corajoso executar o mesmo desafio, só que o caranguejo mais corajoso não o conseguiu cumprir, então o feiticeiro exclamou:
   - Por não conseguires ultrapassar o teu desafio, tu e todos os outros vão passar a andar de lado!
   E é por isso que os caranguejos andam de lado.


Comentários

Escreva o seu Comentário
 




Top Artigos: Amor de Mãe